sexta-feira, 29 de agosto de 2014

Cayo Guillermo


Cayo Guillermo

Cuba



"Verde e prometedor…" assim o definiu o escritor Ernest Hemingway. Este cayo está muito associado à sua obra literária como é exemplo a Playa Pilar descrita no romance O Velho e o Mar. 



(Google Maps)

 

A chegada...

Visitarmos a zona dos Cayos em  Cuba, é esquecermo-nos que o resto do mundo existe. Apetece-nos ficar para sempre nestas pequenas ilhas de praias praticamente virgens....





Próximo de Cayo Coco, Cayo Guillermo tem magnificas paisagens naturais, , com praias desertas e águas a  uma temperatura média que ronda os  24° C.  Para os amantes do mergulho e snorkeling, é um paraíso.



A pensar no conforto da sua viagem a Samsonite lançou novas malas e
mochilas (clique na imagem para mais informação)








Aterrámos no Aeroporto Internacional Jardines del Rey, em Cayo Coco, daqui até ao nosso destino final, Cayo Guillermo são 39 km. 
O percurso foi feito de autocarro e demorou cerca de 30 minutos.





O Hotel escolhido foi o  Meliá Cayo Guillermo com a sua emblemática e vistosa "pasarela" de praia sobre a água chamada Ernest Hemingway, com a "torre-mirante" e cabanas privadas de sombra no mar.




















Depois da nossa passagem por Havana, aproveitámos para descansar durante quatro dias em Cayo Guilhermo. O Hotel Meliá Cayo Guillermo, tem uma praia magnifica... águas quentes com cardumes de  peixes onde  gaivotas e pelicanos pescam  mergulhando mesmo ao nosso lado,  como se a presença do homem no seu habitat lhes fosse indiferente, algumas espécies de   aves migratórias, cruzam os céus, principalmente ao entardecer...
Observar estas aves ao por do sol, quando a quase totalidade dos turistas já têm abandonado a praia, é magnifico!
O hotel conta com vários bares, restaurantes à la carte e um  bufê com show cooking, sendo a comida  agradável!
Pode não ser o melhor hotel do mundo, mas o espaço é bastante agradável e a água do mar é bastante quente o que compensa algumas "falhas"... 




















































































































































































No final da noite ao som de musica Cubana, bebe-se um mojito...










O que fazer em Cayo Guillermo?

Descansar e relaxar.... ;)




Notas:


Não se esqueça de levar:

. Bastante protector solar de factor elevado.
. Repelente para mosquitos. Devido a zonas pantanosas, os mosquitos são uma praga nesta   região e podem estragar as   férias!   


A não perder:

Uma parte da essência de Cuba encontra-se nos aromas, sabores e ritmos latinos. Os famosos charutos, conhecidos como puros cubanos, são um símbolo do país que vale a pena experimentar ou trazer de recordação. O rum puro anejo e os diversos cocktails como o mojito e o daiquiri confeccionados com rum Cubano!

GASTRONOMIA TÍPICA

Tal como no resto do país a culinária tem influências espanholas e africanas, nesta zona costeira, alguns de  pratos mais típicos são:
  • O ajiaco criollo: Sopa preparada com legumes e diferentes tipos de carne, incluindo porco e frango.
  • Mouros e cristãos: Prepara-se à base de feijão e arroz cozidos juntos.
  • O porco assado: Porco assado no forno ou no espeto. Habitualmente  serve-se quente, com a pele crocante.
  • Peixes e mariscos: Cozidos de diversas formas, sobretudo no molho de tomate.
  • Lagosta grillé: Lagosta grelhada com manteiga. ( no hotel é paga)
  • Enchilado de macabí: Massa de macabí cozida em molho de tomate e temperos.
  • Calenticos: Fatias de massa de truta empanadas e fritas
  • Marmelada de goiaba com queijo branco: Polpa de goiaba cozida com açúcar ou calda, e servida com queijo branco feito artesanalmente.
  • Amanteigados: Bolinhos doces elaborados com farinha de trigo, açúcar e manteiga vegetal, muito parecidos com os bolinhos de Morón.



FORMAS DE PAGAMENTO

O peso cubano (CUP) é a moeda nacional, mas o pagamento de todos os produtos e serviços turísticos no país realizam-se em   (CUC)   o peso conversível.

Pode realizar pagamentos com cartões de crédito VISA com excepção dos cartões emitidos por bancos dos Estados Unidos da América e suas filiais.




Diferença horária: - 5 horas
 
Taxas locais: pagámos 25 CUC  à saída do pais!

Documentos: Passaporte (validade mínima de seis meses) e visto obrigatório.

Energia elétrica: é de 110 volts, 60 ciclos; embora muitos hotéis disponham também de 220 volts. A maioria das tomadas é para pines planos e estreitos,  deve levar um adaptador.

Sem comentários:

Enviar um comentário